Silverlight agora é suportado oficialmente no Linux

Hoje, a Microsoft anunciou o lançamento da versão final do Silverlight 1.0. A grande novidade foi o fato de também ter sido anunciado um acordo formal entre a Microsoft e a Novell para que o Silverlight rode no Linux. Que haveria uma versão para Linux do plug-in já se sabia, pois Miguel de Icaza, responsável pelo projeto Mono e que trabalha na Novell, já havia divulgado o projeto chamado Moonlight. Entretanto, esperava-se que seria uma iniciativa independente, no sentido de que não teria o apoio oficial da Microsoft, como acontece com o Mono. Mas o que foi divulgado hoje é que a Microsoft dará suporte à Novell no desenvolvimento dessa versão para Linux. Leia mais detalhes no blog do Miguel de Icaza.

Isso confirma uma teoria minha, de dezembro do ano passado, no lançamento do WPF/E (codinome pelo qual era conhecido o Silverlight) e na época em que havia sido divulgado um outro acordo entre Novell e Microsoft, para tornar suas respectivas plataformas mais interoperáveis. Acredito que as possibilidades existentes são bem interessantes, tanto para os usuários quanto para os desenvolvedores. Só o fato de ser multiplataforma e abstrair tecnologias como HTML e JavaScript, que são limitadas e pouco produtivas, já significam uma grande evolução em direção às aplicações mais ricas e interativas. Com isso, fico pensando: o Mono ainda tem espaço? Com aplicações ricas podendo ser executadas em qualquer browser de qualquer plataforma, ainda faz sentido ter uma versão do .NET Framework multiplataforma para executar aplicações do tipo desktop? Ou o Mono continuará a existir focado no lado servidor? Isso, só o tempo dirá.

Loading