Novidades do MIX 10

Na semana que passou, aconteceu em Las Vegas, EUA, o evento MIX. Ao lado do PDC e do TechED, o MIX compõe a trinca de eventos principais da Microsoft e, apesar de nunca ter ido a nenhuma edição, na minha opinião, acaba sendo o evento mais interessante, pois é uma conferência para desenvolvedores e designers e também porque é nele que os anúncios mais legais têm sido feitos.

Ao contrário do PDC 09, quando tive oportunidade de acompanhar o evento in loco em Los Angeles, acompanhei o MIX aqui mesmo do Brasil. Aliás, os vídeos das palestras do MIX, como se tornou costume, já estão disponíveis gratuitamente para download. Ou seja, mesmo para aqueles que, como eu, não puderam acompanhar o evento ao vivo, não há desculpa para dizer que não sabe o que aconteceu por lá.

O grande assunto do MIX 10 foi a divulgação da plataforma de desenvolvimento para o Windows Phone 7, o novo sistema operacional da Microsoft para telefones celulares, que tem recebido muitos elogios, apesar dele só chegar no segundo semestre de 2010. O desenvolvimento de aplicações para o Windows Phone 7 será feito através do Silverlight e do XNA Framework. Assim, os desenvolvedores poderão reaproveitar todo o conhecimento que já possuem nessas plataformas para criar aplicações para celulares. Também foram disponibilizadas versões CTPs de ferramentas de desenvolvimento para o Windows Phone 7 que se integram com o Visual Studio 2010 e Expression Blend 4, além de uma versão da família Express do Visual Studio (que é gratuita) voltada para esse ambiente.

Dessa forma, o Silverlight passa a ser uma peça ainda mais fundamental na estratégia de plataforma de desenvolvimento da Microsoft. Além de possibilitar a criação de aplicações RIA que rodam no browser (e também fora dele, através do recurso Out-Of-Browser), agora a mesma plataforma será utilizada para desenvolvimento de aplicativos móveis. Por falar em Silverlight, também foi divulgado o market share do produto, que passou de 45% na época do PDC, em novembro de 2009, para 60% agora em março de 2010. Ou seja, 60% das máquinas que acessam a Internet já possuem o plug-in do Silverlight instalado, o que é um crescimento impressionante, considerando o curto tempo de vida que essa tecnologia tem.

Outro assunto aguardado e comentado foi o Internet Explorer 9. Foi disponibilizada para download uma prévia do que teremos na próxima versão do browser da Microsoft. Que fique bem claro: ainda não se trata de uma versão beta que pode ser utilizada para uso diário, mas sim uma prévia voltada para desenvolvedores, cujo objetivo é demonstrar as melhorias na renderização das páginas, o novo engine para javascript (que passa a utilizar um dos núcleos de processadores com vários núcleos para compilar o código javascript e, consequentemente, ganhar velocidade) e na aderência aos padrões web. A Microsoft promete atualizar essa versão prévia em curtos intervalos de tempo (a cada oito semanas), até disponibilizar uma versão beta mais próxima da versão final, voltada para um público menos técnico.

Outro anúncio feito durante o MIX 10 foi a liberação da versão Release Candidate do Silverlight 4 e do WCF RIA Services. Essa é a última versão antes do lançamento da versão final, que deve ocorrer em breve.

Loading