Mais spam

Não é só o theSpoke que apresentou problemas ultimamente. Meu blog tem enfrentado alguns problemas técnicos nas últimas semanas, impossibilitando-me de postar e tornando-o inacessível em boa parte do tempo. Pelo que tenho analisado, minha conclusão até o momento é que isso foi provocado pela quantidade absurda de blog spam que tem sido gerado nos comentários. Para vocês terem uma idéia, em três meses foram aproximadamente 36.000 comentários classificados como spam. Você leu corretamente, são trinta e seis mil!

Apesar de possuir um filtro anti-spam, sobre o qual havia comentado há alguns meses, o mesmo não impede que o comentário seja gravado no banco de dados, mesmo identificando-o como sendo um spam. Assim, hoje implementei no blog um sistema de CAPTCHA, que são aquelas letras e números aleatórios que aparecem no momento de se escrever algum comentário. O objetivo é que isso consiga barrar os robôs que postam comentários, evitando que esse lixo seja gravado no banco de dados e consuma espaço desnecessário. Desculpem-me pelo transtorno que isso possa provocar.

Blog spam

Como se já não bastasse o spam que recebemos diariamente em nossos e-mails, quem tem um blog tem outra preocupação: Blog Spam. Ele se manifesta através de comentários que não têm nenhuma relação com o assunto do post.

Meu blog tem sido vítima deste tipo de propaganda indesejada e tive que tomar algumas atitudes para evitar esse tipo de coisa. Para vocês terem idéia, um dos posts do meu blog chegou a atingir a fantástica marca de 500 comentários, oferecendo de Viagra a cassinos on-line!

Felizmente, o Community Server, que é a plataforma de blog que utilizo, possui um filtro anti-spam que, aparentemente, tem funcionado. Como ainda estou ajustando essa configuração, então é possível que algum comentário válido seja classificado como spam. Assim, peço paciência enquanto faço os ajustes necessários para evitar este tipo de incômodo.