.NET Framework 3.0 x WinFX: confusão à vista?

Li no blog do Alfred que a Microsoft decidiu rebatizar o WinFX, nova API do Windows, para .NET Framework 3.0. Um dos motivos da mudança seria o fato de muita gente não saber exatamente o que era o WinFX, pensando que seria uma tecnologia à parte ou concorrente do .NET Framework. Lendo o blog de Jason Zander, General Manger do .NET Framework, encontrei algumas perguntas e respostas interessantes sobre o assunto:

1.  What version of the compilers are being used?
.NET FX 3.0 is built on .NET FX 2.0 including the CLR and BCL.  This means you will be using the 2.0 C# and VB compilers from the redist when using .NET FX 3.0.

Ou seja, apesar da versão do .NET Framework ser chamada de 3.0, os compiladores das linguagens, a CLR (Common Language Runtime) e a BCL (Base Class Library), serão os da versão 2.0. Assim, pode-se concluir que o .NET Framework 3.0 vai ser, nada mais, do que o .NET Framework 2.0 com suporte a algumas novas tecnologias como Windows Presentation Foundation - WPF  (antigo Avalon), Window Communication Foundation - WCF (antigo Indigo) e Windows Workflow Foundation. Em outras palavras, utilizaremos o C# 2.0 e o VB.NET 2.0 no .NET Framework 3.0

2.  Will .NET FX 3.0 contain LINQ support?
No.  LINQ support is in the Orcas product which is shipping after .NET FX 3.0 (which ships in Vista).

Agora a coisa ficou confusa de vez: segundo a resposta acima, não haverá suporte ao LINQ no .NET Framework 3.0. O mesmo só será feito a partir do Visual Studio codenome Orcas, que é a próxima versão do Visual Studio, a ser entregue após o lançamento do .NET Framework 3.0, ou seja, o LINQ será suportado somente na versão 4.0 do .NET Framework (se é que ela vai ser chamada assim). Entretanto, se dermos uma olhada no site do LINQ ou no de futuras versões do C#, perceberemos que a versão do C# que terá suporte ao LINQ já está sendo chamada de 3.0. Mas como não haverá uma versão 3.0 do C# no .NET Framework 3.0, isso quer dizer que o C# 3.0 fará parte do .NET Framework 4.0 (ou seja lá como ele for chamado no lançamento do Orcas)?

Se o que eu escrevi acima realmente acontecer, ou seja, versões de linguagens diferentes da versão do Framework, aí sim teremos confusão. Já que o .NET Framework 3.0 utilizará no seu núcleo o .NET Framework 2.0, poderiam chamá-lo de .NET Framework 2.1. Ou então, seguir o exemplo do IE 7 para o Windows Vista: chamá-lo de .NET Framwork 2.0+ Tongue out

Ricardo Oneda.